(11) 99452-6862 Rua Gen. Jardim, 846, 4° andar - Higienopólis – São Paulo/SP
ortopedista-vila-olimpia

ortopedista Vila Olímpia

  • By:artroplastias
  • 0 Comment

Ortopedista Vila Olimpia: Casos Clínicos e Hospital

A clínica Artroplastias é um consultório médico especializado de ortopedia, atendendo casos clínicos de todas as áreas da ortopedia, com enfoque principal em cirurgia de quadril e oncologia ortopédica.

Atuamos em hospital de alto nível na cidade de São Paulo.

Revisão precoce de ATQ

Pacientes em pós-operatório tardio de prótese de quadril poderão e o momento de sua vida evoluir com a soltura da prótese, porque os levaram a procurar o médico ortopedista Vila Olímpia para atendimento especializado.  Diversos avanços nas técnicas de cirurgia e os cuidados pré-operatórios ainda não são suficientes para eliminar de vez o processo infeccioso como causa de soltura precoce de uma prótese de quadril. Esse é o principal motivo que nos faz, durante a avaliação do paciente com prótese de quadril e quadro de dor, considerar a presença de uma infecção ou seja soltura séptica.
Existe na literatura uma classificação para infecção em artroplastia total de quadril que foi descrita o autor chamado Coventry, na clínica de ortopedista Vila Olímpia essa classificação é muito utilizada pois é útil na decisão do cirurgião que se limita em manter ou retirar o implante ortopédico no decorrer do tratamento.  Para uma avaliação completa foi descrita também classificação de Tsukayama  que descreve os quatro tipo que se referem as próteses avaliadas pré-operatório a mente em que a infecção foi descartada, porém no decorrer da cirurgia os tecidos retirados para estudo de Cultura mostrar crescimento de bactérias.

História Clínica relatada ao Ortopedista Vila Olímpia

A história Clínica relatada pelo paciente para o ortopedista Vila Olímpia poderá juntamente com o exame físico nos indicar presença de infecção.  Aqueles  pacientes que apresentam drenagem de secreção de Ferida que perdurou por muito tempo ou na presença de dor constante desde o pós-operatório imediato ,s estarão sob forte suspeita de infecção da prótese de quadril é importante realizar pesquisa de outros focos de infecção no paciente, como por exemplo pneumonia e infecção urinária.  Os principais fatores de risco que devem ser lembrados nesses casos e que favorecem quadro infeccioso estamos diabetes, artrite reumatóide, insuficiência renal crônica e, uso contínuo e prolongado de corticosteróides, paciente desnutrido,  doenças de pele e algumas doenças associadas à imunossupressão.

A revisão da prótese de quadril por dor

A cirurgia de revisão de prótese de quadril geralmente será realizada naqueles casos que é necessário o reparo de uma articulação artificial (a prótese primária) que sofreu perda de sua função motora devido a danos causados pelo próprio tempo (desgaste natural do material), ou por conta de uma infecção da prótese, ou até mesmo por luxação dos componentes. Essa é uma cirurgia que o ortopedista vila olimpia indicará com o objetivo de reestabelecer uma boa função da prótese. O uso das próteses em geral, tanto de joelho quanto de quadril como de outras articulações, é realizada para reconstruir uma articulação que foi danificada, podendo ser por artrites ou até sequelas de outras patologias (infecções, traumas etc). Quando falamos em termos gerais, podemos dizer que a expectativa de vida de uma prótese está em torno de 15 anos naqueles pacientes que fazem o uso diário da mesma. A grande maioria dos pacientes que são submetidos a essas cirurgias estão entre a quinta e sexta década de vida, devido a isso é natural que procure um ortopedista vila olimpia para reavaliação da prótese devido a uma queixa de dor. Ao passar em consulta poderá ser identificada a soltura/ desgaste da prótese, ou seja, ela perdeu suas propriedades mecânicas e de fixação.

Quais seriam as causas de dor na revisão de prótese de quadril?

O paciente passa no ortopedista vila olimpia, devido a dor que geralmente é tardia ao procedimento cirúrgico. A principal razão para reparar uma articulação protética é o fato de ele não estar mais firmemente preso ao osso, resultando em um movimento anormal da interface osso – prótese, esse movimento agride o endosteo e, posteriormente, o periósteo causando dor de forte intensidade. Normalmente, o paciente irá apontar essa dor na região do terço médio da coxa.

Os riscos desse procedimento de revisão

Precisamos lembrar sempre que esse procedimento será agendado de forma eletiva, ou seja não é uma urgência. Trata-se de um procedimento de grande porte, dependendo do grau de soltura, da ostelise que ocorreu na região (perda de osso) que será avaliada pelo ortopedista vila olimpia com imagens radiográficas e também tomografia. Com relação as complicações advindas da anestesia, nós temos que esse é uma procedimento que gera risco de complicações pulmonares ou até de disfunção cardíaca. Podemos acrescentar a isso as complicações provenientes da cirugia em si como a infecção, lesões aos nervos e vasos, fraturas, fraqueza de estrutura óssea, instabilidade da prótese, trombose venosa, entre outras.

Como me preparo para uma cirurgia de revisão?

Todas as orientações serão dadas pelo seu ortopedista vila olimpia para que a cirurgia de revisão ocorra da melhor forma possível. O paciente será encaminhado para avaliação clínica geral. Na avaliação pré-operatória iremos verificar os seguintes exames: hemograma geral, coagulograma, analise da urina, exames para ver a função renal (ureia e creatinina) eletrocardiograma, radiografia do tórax, testes para verificar a glicêmia do sangue (quantidade de açúcar – diabetes). Esse é o perfil de exames básicos que iremos solicitar, dependendo do paciente, poderá ser necessário solicitar outros. Lembrem sempre de informar o seu ortopedista vila olímpia sobre as medicações que você recebe periodicamente, pois algumas deverão ser suspensas devido ao procedimento cirúrgico e devido a anestesia. Alguns medicamentos irão interferir na ação de algumas medicações e anestésicos que serão utilizados na sua cirurgia. A aspirina, o ibuprofeno e alguns outros medicamentos podem afinar o sangue do paciente e levar a um sangramento mais intenso durante o procedimento. Essas medicações devem ser suspendidas pelo menos 2 semanas antes da cirurgia. Leve ao hospital, no dia da internação, a lista de todos os medicamentos que você recebe, para que eles não sejam descontinuados na prescrição do ortopedista vila olimpia. Nessa lista é de extrema importância que estejam incluídos todos os medicamentos fitoterápicos e todos aqueles que são suplementos nutricionais ou até mesmos as vitaminas. Esses dados são importantes, além de trazer informação para o medico e anestesista, ficarão documentados no prontuários do hospital, sendo fonte de consulta quando necessário. Lembrem-se de tirar suas dúvidas com seu médico e de seguir as orientações dadas com empenho e dedicação para que o resultado seja o esperado.

Posted in: Revisão precoce de ATQ

Comentários

Nenhum comentário para “ortopedista Vila Olímpia”

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta